Visite a Drogaria Castro Meira em Pedra Grande/RN

Visite a Drogaria Castro Meira em Pedra Grande/RN

sexta-feira, 31 de outubro de 2014

Ultrapassar pelo acostamento custará R$ 957.

Nenhum comentário:
Entra em vigor neste sábado (1), o aperto mais significativo da legislação brasileira de trânsito desde a adoção da lei seca, em 2008. Quem for flagrado disputando racha terá de pagar R$ 1.915,40. Se as disputas deixarem mortos ou feridos, a punição poderá chegar a 10 anos de prisão. Já para ultrapassagem em local proibido ou pelo acostamento, o valor passa a ser de R$ 957,70; e, em caso de reincidência, os valores serão dobrados.

Das 11 alterações feitas pelo Congresso e sancionadas pela presidente Dilma Rousseff neste ano, seis se referem à mudança no valor das multas – quatro delas envolvendo ultrapassagens perigosas pelo acostamento, entre veículos, invadindo outro sentido ou pela direita. Essas infrações respondem por 11% (359.431) das mais de 3 milhões de multas aplicadas em 2013 pela Polícia Rodoviária Federal em todo o País.

Para se ter ideia, a cada hora 41 pessoas são flagradas em uma dessas situações nas rodovias federais do País, conforme a Polícia Rodoviária. Somente em São Paulo, houve 91.825 notificações do gênero em estradas estaduais, entre janeiro e setembro deste ano. Tudo indica que o número está em crescimento: foram 97.961 no ano passado – 11 por hora.

O número é 38,3% maior do que há dez anos. O oficial da PM concorda com a tendência de a penalidade financeira ser ampliada. “O que mais pesa para o condutor é o bolso, sem dúvida nenhuma.” Para o coordenador do Núcleo de Estudos em Segurança no Trânsito da USP, Coca Ferraz, os valores das multas precisavam ser atualizados, e a medida terá efeito na quantidade de acidentes registrados. “Com esse tipo de multa, certamente vamos inibir a infração, que leva aos acidentes graves.

” Via o  Jornal O Estado de S. Paulo.


Publicidade
Visite a Drogaria Castro Meira em Pedra Grande/RN

Cidades do Mato Grande reúnem-se em Ceará-Mirim para elaboração e adequação dos Planos Municipais de Educação (PME`s).

Nenhum comentário:
As cidades que compõem a Região do Mato Grande reuniram-se em Ceará-Mirim nos dias 30 e 31 de outubro para articularem e ao mesmo tempo adequarem os Planos Municipais de Educação (PME `s). Durante os dois dias, representantes de Parazinho e técnicos da Secretaria de Educação do município participaram do momento de capacitação.

O evento é destinado às comissões coordenadoras e a equipe técnica que fará a elaboração do Plano Municipal de Educação referente a cada município. A capacitação é promovida pela Secretaria de Estado da Educação e Cultura e pela União dos Dirigentes Municipais de Educação (UNDIME/RN).

A formação realizada na Estação Cultural de Ceará-Mirim foi ministrada pelo Senhor Pedro Fernandes de Souza, avaliador educacional da Secretaria Estadual de Educação. Parazinho esteve representado por 3 (três) técnicos da Secretaria Municipal de Educação: Edcelmo Bezerra, Igor Henrique, Geane Florenço além de Kamilla Karoline, Secretária de Educação de Parazinho.

O Plano Municipal de Educação é um documento que define metas educacionais para cada município por um período de 10 anos. Trata-se de uma exigência prevista na Lei Federal nº 10.172, de 9 de janeiro de 2001, que instituiu o Plano Nacional de Educação (PNE).

Um Plano Municipal de Educação não é um plano somente da Rede de Ensino do Município, mas um Plano de Educação do Município. Assim, o Plano deve estabelecer diretrizes e metas para o ensino médio e para a educação superior no Município, dialogando com os responsáveis por esses níveis de escolarização. Deve ser elaborado em consonância com o Plano Estadual de Educação e o Plano Nacional de Educação e, ao mesmo tempo, garantindo a identidade e autonomia do Município.

Parazinho na Mídia


Publicidade
Visite a Drogaria Castro Meira em Pedra Grande/RN

Kelps sugere que Prefeitura espere 60 dias antes de multar cidadãos com novos equipamentos.

Nenhum comentário:
O presente de fim de ano da Prefeitura do Natal para a população da cidade será uma avalanche de multas que chegarão pelos Correios para milhares de motoristas natalenses. Isso porque a Prefeitura implantou vários novos equipamentos eletrônicos de fiscalização de velocidade ao longo de várias ruas da cidade sem avisar nada a ninguém. Ou se avisou, foi tão discretamente que é um assunto pouco ouvido pelas pessoas.

A fiscalização eletrônica para coibir a velocidade em excesso é salutar para a segurança e disciplinamento do trânsito da cidade. Antes de aplicar multas, a Prefeitura deveria ter passado, no mínimo, 60 dias em uma campanha educativa intensa no rádio, na TV, na internet, nas ruas, para separar o bom motorista do motorista infrator por natureza.

Sugerimos à Prefeitura não cobrar nenhuma multa nos primeiros 60 dias de implantação desses equipamentos que foram espalhados na cidade; não punindo motoristas pela omissão do Poder Público por não realizar uma campanha educativa prévia, forte, para avisar que onde antes havia o vácuo agora há cobrança de multas. disse Kelps.


Publicidade
Visite a Drogaria Castro Meira em Pedra Grande/RN

Secretaria de Saúde encerra Campanha do Outubro Rosa em Jardim de Angicos/RN.

Nenhum comentário:
Secretaria de Saúde realiza encerramento da Campanha Outubro Rosa em Jardim de Angicos (Foto: Sezimar)
Secretaria de Educação envolvida também no evento (Foto: Sezimar)
Para encerrar oficialmente a programação de ações da campanha Outubro Rosa, em Jardim de Angicos, a Secretaria de Saúde do Município promoveu nesta quinta-feira(30) caminhada pelas ruas da cidade,  palestra explicativa e em seguida um café da manhã.

O ato reuniu dezenas de profissionais de saúde, estudantes e mulheres vestidas de rosa objetivando chamar atenção da sociedade para o câncer de mama e para a realização de atividade física.

A cerimônia de encerramento aconteceu no auditório da Secretaria de Saúde. No decorrer do evento do aconteceram palestras sobre como fazer o autoexame e exames clínicos para um diagnóstico precoce do câncer de mama.

“É muito gratificante para nós promover um evento que alerta a mulher para um diagnóstico precoce dessa doença que mais mata as mulheres em nosso pais que é o câncer de mama”, palavras da Secretária Cristina Baracho.

Blog do Professor Sezimar


Publicidade
Visite a Drogaria Castro Meira em Pedra Grande/RN

Bandidos assaltam agência dos Correios de Ipanguaçu/RN.

Nenhum comentário:
A Agência dos Correios da Cidade de Ipanguaçu foi alvo de mais um assalto. Ocorrido na manhã de ontem(30), a ação criminosa teria acontecido por volta das 08:30hs.

De acordo com primeiras informações, 4 elementos armados em duas motos teriam participado do assalto, e fugiram com destino ignorado.

Acionados, Policiais de vários destacamentos da Região estão em diligência na tentativa de encontrar os envolvidos. Entre as esquadras policiais estão; O GTO, a Força Tática, e as guarnições de Angicos e Afonso Bezerra.

Angicos notícias


Publicidade
Visite a Drogaria Castro Meira em Pedra Grande/RN

Bandidos tentam arrombar Caixa Eletrônico na cidade de Ouro Branco/RN.

Nenhum comentário:
Na madrugada desta sexta-feira (31), por volta das 2h20, homens tentaram arrombar o caixa eletrônico do posto de atendimento do Banco Bradesco na cidade de Ouro Branco na região do Seridó. 

Segundo informações de moradores que moram próximo ao local, as pancadas fortes para quebrar a estrutura física do caixa fizeram com que muitos levantassem, mas temeram em ver o que acontecia. Só algum tempo depois entraram em contato com a polícia. 

Ainda segundo informações de moradores, os bandidos teriam, antes de empreender o arrombamento, andado pela cidade em um veículo, quem sabe para observar o movimento. 

Eles teriam usado utensílios de ferro para quebrar a parte frontal do caixa. A ação durou aproximadamente meia hora, e os autores do arrombamento tomaram destino desconhecido e não conseguiram levar dinheiro. 

( Lenilson Azevedo)


Publicidade
Visite a Drogaria Castro Meira em Pedra Grande/RN

quarta-feira, 29 de outubro de 2014

Parazinho/RN: Santa Missa marca os 65 anos de fundação da Escola Professor Miguel Monteiro.

Nenhum comentário:
Uma Missa em Ação de Graças realizada na noite de ontem (29) marcou os 65 anos de fundação da Escola Estadual Professor Miguel Monteiro. Pais, alunos, professores e demais funcionários da instituição participaram da Missa que aconteceu na Igreja Matriz de Nossa Senhora de Nazaré, às 19h30m e foi presidida pelo Padre Ivanilson Alexandrino.

Além de parte do professorado da escola, participaram também o vice-diretor o Senhor Enoque Bezerra e a diretora, a Senhora Elita Cosme, que ao fazer seus agradecimentos mostrou felicidade em poder dirigir uma instituição que faz parte da história de Parazinho. “Agradeço a presença de todos que vieram prestigiar esta Missa em Ação de Graças por hoje um dia tão especial; ao comemorar os 65 anos desta escola sinto-me feliz em poder ser diretora desta instituição”. Concluiu Elita Cosme agradecendo aos professores, pais e alunos.

Pela tarde, a Escola Miguel Monteiro promoveu um desfile cívico pelas principais ruas da cidade com a presença da Banda de Música formada pelos próprios alunos da escola. Fundada no dia, 29 de outubro de 1949 a Escola Estadual Professor Miguel Monteiro foi a primeira instituição estudantil instalada no solo Parazinhense pela professora Lilian Trigueiro, que além de professora também catequizava as crianças daquela época. 

Parazinho na Mídia


Publicidade
Visite a Drogaria Castro Meira em Pedra Grande/RN

Câmara derruba decreto de Dilma Rousseff que regulamenta os conselhos populares.

Nenhum comentário:
Deputados da oposição comemoram a derrubada de decreto presidencial - André Coelho/O Globo
Do Jornal o Globo - A Câmara aprovou na noite desta terça-feira a proposta que susta o decreto da presidente Dilma Rousseff que regulamenta os conselhos populares. Tendo em mãos a promessa da oposição de obstrução das votações da Câmara enquanto não fosse votada a matéria, o presidente da Câmara, Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN), convocou a sessão extraordinária para votá-la, contrariando o Governo Federal. Tentando evitar o pior, o governo obstruiu o processo de votação para tentar inviabilizar derrubada, mas não conseguiu.

Henrique Alves fez questão de conduzir com mãos de ferro a votação, cobrando pressa nas manifestações e encaminhamentos dos líderes contrários à medida. Agora, a derrubada do conselhos ainda terá que ser votada pelo Senado.

— Essa derrota é educativa. É para mostrar que o discursos do diálogo, de conversa com o Congresso Nacional, não pode ficar só na teoria, tem que acontecer na prática — afirmou o deputado Lúcio Vieira Lima (PMDB-BA).

Nos bastidores, líderes aliados atribuíram a atitude do presidente da Câmara à derrota sofrida no último domingo, quando perdeu a eleição para o governo do Rio Grande do Norte com a ajuda dada pelo PT e pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva a seu adversário, Robinson Faria (PSD). Uma das expressões mais repetidas no dia em conversas reservadas, para classificar a atitude de Henrique, foi que ele voltou para a Câmara, “com sangue nos olhos” e sem dar espaço para conversas ao líder do governo, Henrique Fontana (PT-RS), que queria evitar a votação do decreto.
Henrique Alves contraria governo e coloca em pauta votação contra o decreto de Dilma que cria os conselhos populares - André Coelho / Agência O Globo
Henrique negou que tenha agido em retaliação ao que aconteceu na eleição. Disse que há três meses ele tinha avisado que a votação do decreto era uma de suas prioridades e apenas estava cumprindo a promessa. Ele sustentou que a oposição deixou claro que não votaria nada antes da votação do decreto.

— Se eu aceitar passivo, essa Casa não vota mais nada até o final do ano. Essa questão tem que ser decidida no voto. Quem tiver votos para ganhar, parabéns. Quem não vencer, tem que respeitar o resultado. Como presidente eu já disse, há três meses, que o decreto seria uma pauta prioritária — disse o presidente da Casa antes da votação, negando a retaliação ao PT. — Seria desinformação, que se pensasse assim. Há três meses tenho incluído o decreto como item prioritário na pauta.

A Fonte


Publicidade
Visite a Drogaria Castro Meira em Pedra Grande/RN

Eleições de 2016: PPS de Pedra Grande sai na frente e lança candidato a prefeito pela oposição.

Nenhum comentário:
Simião e a vice-prefeita de Natal, Vilma
Em Pedra Grande/RN, os nomes para 2016 já começaram a ser lançados pelo os partidos políticos. O PPS foi o primeiro partido a lançar informações sobre a possível candidatura própria a prefeitura municipal.

Em rede social, o presidente do diretório local, Simião Pereira, deixou claro que, o ex-deputado Wober Júnior e sua filha Laura Helena irão apoiar a candidatura do mesmo para prefeito nas próximas eleições.



Publicidade
Visite a Drogaria Castro Meira em Pedra Grande/RN

João Câmara/RN comemora seus 86 anos de Emancipação Política.

Nenhum comentário:
http://static.panoramio.com/photos/large/53335951.jpg
Os trilhos da Estrada de Ferro Central do Rio Grande do norte avançavam pelo interior adentro e chegavam a um lugar chamado Matas. Ao redor da residência do engenheiro Antônio Proença, na época responsável pela construção da extensão da estrada ferroviária, os ferroviários faziam acampamentos.

Em 1910 começaram a surgir as primeiras casas da localidade . Em 1915, o acampamento de trabalhadores ferroviários passou a ter fundamentos e sinais evidentes de vila com uma povoação estabilizada, vivendo em razoável estágio de conforto quando surgiu a capela de Nossa Senhora Mãe dos Homens. O povoado de Matas chegou à condição de município pela Lei no 697, de 29 de outubro de 1928, com o nome originário de sua localidade, Baixa Verde, desmembrado de Touros, Taipu e Lajes.

O novo município teve como seu primeiro prefeito a figura histórica de João Severiano da Câmara que com muito trabalho e versatilidade conseguiu vencer na política, chegando a ser deputado e senador. João Câmara inseriu Baixa Verde na modernidade da época, com a implantação de indústrias, com um trabalho organizado de assistência social, com a construção de estradas e com a ampliação do setor produtivo, mais notadamente da industrialização do algodão e do sisal.

Após o falecimento do líder baixa-verdense, em 1948, começou a existir o desejo de mudar o nome do município em homenagem a sua mais ilustre figura. Foi pela Lei no 899, de 19 de novembro de 1953, que Baixa Verde passou a se chamar oficialmente João Câmara.


Publicidade
Visite a Drogaria Castro Meira em Pedra Grande/RN